TEM ALGO ERRADO: Número de mortes por covid-19 em SP é quase 31 vezes maior que em Minas

Número de mortes por covid-19 em SP é quase 31 vezes maior que em Minas
O fracasso nas medidas adotadas pelo governo João Dória para conter a disseminação do novo coronavírus em São Paulo pode ser dimensionado pelos números: neste domingo (17), com 4.782 óbitos, o Estado registra um número de mortos 30,6 vezes maior que o vizinho Estado de Minas Gerais, que soma 156. O descontrole paulista lembra o que acontece no Rio de Janeiro, onde a situação é “melhor”: são 2.715 mortes.

Doria tem adotado medidas de enfrentamento ao covid-19 de maneira independente do governo federal, segundo ele de acordo com o que “recomenda a ciência” e os médicos que o assessoram, incluindo o secretário estadual de Saúde, sempre “valorizando a vida” etc, até para destacar sua discordância com a abordagem do presidente Jair Bolsonaro, a quem pretende enfrentar nas urnas em 2022.

O presidente tem ironizado o governador paulista, que diariamente comanda uma espécie de programa de entrevistas pela TV para que assessores informem medidas de combate ao covid-19 e ele próprio faça declarações, sobretudo contra Bolsonaro, que chama essas coletivas de “programa de auditório do Doria”.

Os 62.345 de casos confirmados da doença, em São Paulo, são igualmente assombrosos quando confrontados com os 4.611 de Minas. Isso significa que os casos registrados em 463 cidades do Estado de São Paulo são 13,5 vezes mais que nos mais de 800 municípios mineiros. A população paulista é apenas duas vezes maior que a mineira.

Somente na última semana, mais de mil pessoas morreram em decorrência do novo coronavírus no estado de São Paulo, de acordo com dados do próprio governo estadual. O total de mortes pela doença subiu de 3.709 mortes no dia 10 de maio para as atuais 4.782.

São Paulo supera todo o México em número de casos


O número de vítimas em São Paulo superou o total de mortos em todo o México: segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), foram 4.767 óbitos em todo o país até o momento, 15 a mais que o maior estado brasileiro. O detalhe é que a população do México é três vezes maior que a do Estado de São Paulo.

Também na última semana, foram confirmadas 16.901 novos casos da doença no estado governado por João Doria, chegando ao total de 62.345 pessoas diagnosticadas com Covid-19, segundo dados da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo.

O número de casos em São Paulo hoje é 38% maior que o total verificado no território mexicano, são 45.032 mortes no país. Em 10 de maio, uma semana atrás, o estado registrava 45.444 infectados.

De acordo com a pasta, no momento, o estado tem pelo menos uma pessoa infectada em 463 cidades, e há no mínimo um óbito em correspondem a 213 municípios. A taxa de ocupação dos leitos de UTI reservados para atendimento a Covid-19 é de 73,9% no Estado de São Paulo e 92,2% na Grande São Paulo.

Postar um comentário

0 Comentários