GESTÃO DA MORTE: Chega a 32 o número de crianças cardiopatas mortas desde janeiro


Subiu para 32 o número de crianças cardiopatas mortas desde janeiro
O final de ano está sendo trágico para algumas famílias com crianças cardiopatas no Amazonas. Em menos de 24 horas, de sexta-feira para sábado, mais dois bebês morreram no hospital Francisca Mendes.
Na manhã de sexta-feira (27) faleceu Maria Eloah, de três meses. E as 2 da madrugada de sábado foi a óbito o pequeno José de apenas 4 meses.
Os dois nasceram com tipo de cardiopatia rara e estavam em tratamento.

Fila de espera
No dia 20, já havia morrido Ícaro Davi Ferreira, de quatro meses.
Todos os três estavam na fila à espera de uma cirurgia em Manaus. Desde janeiro, 32 crianças cardiopatas morreram no Francisca Mendes.

Nada mudou
Na inspeção feita na sexta-feira (27) os deputados estaduais Dermilson Chagas (Progressistas) e Wilker Barreto (Podemos) constataram que “nada mudou” no Francisca Mendes, apesar do governador Wilson Lima ter dito em entrevista coletiva que a situação no hospital era de normalidade.
Profissionais terceirizados continuam com salários atrasados, equipamentos quebrados, ainda há falta de material cirúrgico e crianças continuam morrendo

portali9manaus

Postar um comentário

0 Comentários