MORTE NA ESTRADA: Ônibus com 42 atletas tomba e uma jovem morre; veja imagens

Lays Prado, de 13 anos, morreu em acidente com ônibus que levava jovens atletas de Itanhaém (SP) — Foto: Reprodução

A adolescente Lays Prado Luz, de 13 anos, morreu na manhã deste sábado (30) no acidente que envolveu um ônibus de viagem que levava jovens esportistas de Itanhaém, no litoral de São Paulo, para disputar um torneio e rúgbi em Ilhabela, no litoral norte. De acordo com o Corpo de Bombeiros, duas vítimas estão em estado grave.

Lays era moradora de Itanhaém e fazia parte do time feminino de rúgbi da escolinha de Athenas Itanhaém, que oferece aulas gratuitas da modalidade nas categorias infantil e juvenil três vezes por semana, nos bairros Sabaúna e Guarapinga. A jovem morreu no local do acidente e a informação foi confirmada pela escola ao G1. Familiares saíram de Itanhaém e seguem para São Sebastião.

O ônibus levava 42 alunos, todos com idade entre 13 e 18 anos, para disputar o 1º Festival Ilha Sevens, em Ilhabela. De acordo com informações cedidas pela Polícia Rodoviária Estadual, o ônibus tombou foi por volta das 7h no km 147 da Rodovia Rio-Santos, em um trecho da serra em Boiçucanga.

Ônibus tombou e deixou mortos e feridos em São Sebastião — Foto: Ocorrência 24h Portinari/Divulgação

O Corpo de Bombeiros informou que duas vítimas estão em estado grave e outras dez tiveram ferimentos leves. Desses dez, nove já foram liberados. A Prefeitura de São Sebastião informou que os feridos em estado grave foram levados para o hospital de São Sebastião e os demais para o pronto-socorro de Boiçucanga.

A Prefeitura de Itanhaém disse ao G1 que o secretário de Assistência e Desenvolvimento Social, Rogélio Salceda, foi até São Sebastião prestar assistência às famílias e, ainda, se pronunciou em nota sobre o ocorrido.

O prefeito de Itanhaém, Marco Aurélio Gomes, se pronunciou sobre o acidente em sua rede social. "Itanhaém amanheceu triste com a notícia do grave acidente que envolveu o ônibus que transportava jovens atletas da cidade para disputar torneio de rugby, em Ilhabela. Até o momento, foi confirmada uma vítima fatal, de 13 anos. Duas pessoas estão em estado grave e outras dez tiveram ferimentos leves. Meus sentimentos e solidariedade aos amigos e familiares da vítima fatal e as nossas orações pela recuperação dos feridos", escreveu.

A viação Grandino informou ao G1 que o veículo envolvido no acidente foi vendido a uma empresa de Itanhaém em 2015. O responsável pelo coletivo informou apenas, por telefone, que seguia para o litoral norte para prestar apoio às vítimas.

Sem autorização

De acordo com a Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), tanto o veículo quanto a empresa RTK transportes não possuem cadastrado na agência regulamentadora. O coletivo não possuía autorização legal para transporte de passageiros.

Por meio de nota, a Artesp explica que a utilização de transporte irregular traz riscos para os passageiros, uma vez que os veículos não passam pelas vistorias obrigatórias da agência e não há garantia de que o motorista está devidamente habilitado para a prestação do serviço.



Adolescentes foram socorridos pelos bombeiros e pelo Samu — Foto: Bombeiros/Divulgação


Trânsito opera em sistema 'pare e siga' no local do acidente — Foto: Bombeiros/Divulgação

Postar um comentário

0 Comentários