VAN IRREGULAR: Veículo de transporte escolar colide com kombi e deixa 10 crianças feridas

Acidente com van escolar deixou oito crianças feridas, segundo a Polícia Militar. — Foto: Reprodução/Redes sociais
Um acidente entre uma van escolar, um carro e uma kombi deixou crianças feridas no Andaraí, Zona Norte do Rio, no início da tarde desta sexta-feira (20).

A batida aconteceu próximo a uma creche. Segundo a polícia, a van não estava regularizada para fazer o transporte escolar e tinha problemas no freio.

Os bombeiros chegaram ao local por volta das 14h e as crianças foram socorridas e levadas para o Hospital Federal do Andaraí.

No total, 10 crianças ficaram feridas e seis foram transferidas para os hospitais municipais Souza Aguiar, Miguel Couto e Salgado Filho e Pedro II. Dos seis feridos, três estão em estado grave.

Internados e liberados:

Victor Hugo Carvalho, Pietro Andrade, Bryan Figueiredo, estão no Souza Aguiar;

Ana Beatriz Silva, está internada no Salgado Filho;

Yago Marins Silveira, em estado mais crítico, e Victor Hugo 
Ferreira, levados para o Miguel Couto;

Brenno Fernandes, que está no Pedro II;

Já tiveram alta Sophia Silva, Stella Santos e Manuella Aguiar;

VAN NÃO ESTAVA REGULARIZADA


O motorista da van prestou depoimento na 20ª DP na tarde desta sexta-feira (20).

De acordo com informações da polícia, o motorista da kombi, Jair de Souza Neves, de 51 anos, afirmou que estava subindo a Rua Adolfo Caminha, com cinco crianças dentro do veículo, quando de repente percebeu a batida da van escolar, que estava descendo a rua e perdeu o freio, batendo em outro carro. Segundo o motorista, a van atropelou crianças que estavam sentadas na calçada da creche.

De acordo com o Detran, o condutor da kombi é habilitado, mas o veículo não possui cadastro na base de dados municipal.

O condutor da van, identificado como Murilo de Aguiar, de 35 anos, também é habilitado, mas o carro não está regulamentado desde o final de agosto. Além disso, ele não tem licença para dirigir transporte escolar no município do Rio. A placa do veículo é de Niterói.

Em nota, a Secretaria Municipal de Educação informou que "está acompanhando de perto o caso para verificar os desdobramentos".

Postar um comentário

0 Comentários