CASA DA MÃE JOANA: Barraco na sessão da Câmara, deputados se agridem; veja vídeo

O deputado federal Julian Lemos (PSL) deu uma cabeçada no também deputado Expedito Netto (PSD), que disse que irá denunciar Lemos ao Conselho de Ética da Câmara, que pode recomendar a cassação do mandato.

Lemos, que também foi coordenador da campanha presidencial de Jair Bolsonaro no Nordeste, começou dando um empurrão no deputado Edmilson Rodrigues (PSOL). Julian então foi verbalmente repreendido por Netto, e então reagiu com a cabeçada.

O também deputado Alexandre Frota foi ao Twitter comentar o fato, questionando se Expedito irá responder no Conselho de Ética pelas agressões verbais recentemente dirigidas a deputada Geovania de Sá (PSDB-SC), quando disse, "aos gritos, que ela era fraca e incompetente". Ela já havia afirmado que irá levar o caso ao Conselho de Ética.

Postar um comentário

0 Comentários