AGRICULTURA PROFISSIONAL: Deputado Cirone defende programa de capacitação profissional aos agricultores

A capacitação profissional dos agricultores como estratégia para agregar valor à produção rural foi defendida pelo deputado Cirone Deiró (Podemos), em reunião com Hélio Dias, presidente da Federação de Agricultura e Pecuária de Rondônia-Faperon. O parlamentar quer aumentar a presença do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural-Senar na formação dos agricultores de Cacoal e região.

Cirone explicou ao presidente da entidade representativa do setor produtivo que a área rural do município de Cacoal é essencialmente ocupada por pequenos agricultores, que contribuem significativamente com o desenvolvimento local. “A grande maioria dessas propriedades tem na família a principal força de trabalho, por isso precisamos oferecer cursos de capacitação profissional para agregar valor à produção agrícola e aumentar a renda da propriedade”, explicou.

Para o presidente da Faperon, Hélio Dias, a proposta defendida pelo deputado Cirone poderá ser incluída no plano de execução de cursos de capacitação que o Senar executará em 2019. “Estamos trabalhando para atender o maior número de propriedades rurais e dar ao agricultor e sua família conhecimento e formação profissional para que ele agregue valor a sua produção”.

De acordo com a proposta apresentada pelo deputado Cirone, prioritariamente deverá ser oferecido cursos para atender as seguintes cadeias produtivas, leite, carne, peixe, café, cacau e olericultura. Segundo ele, a necessidade de capacitar os agricultores nestas áreas foi apresentada pelas lideranças das associações rurais do município.

Para as ações do Senar em Cacoal, o deputado Cirone pediu atenção especial em relação aos cursos profissionais na área do cultivo e manejo do cacau. O parlamentar está trabalhando em defesa da revitalização da lavoura do cacau no município. “A exemplo do que está sendo feito com a revitalização da cafeicultura, defendo a execução de um amplo programa de revitalização do cacau no município”, concluiu o parlamentar.

Fotos: Junior Cazangi/Assessoria

Postar um comentário

0 Comentários