PRODUTO ESCASSO: Coronel governador importa do Ceará Coronel para dirigir do DER; vídeo

Porto Velho, RO – O coronel Erasmo Meireles e Sá importado do estado do estado do Ceará pelo governador Marcos Rocha (PSL-RO) para administrar o DER/RO, abriu o período de reclamações dos deputados estaduais na tribuna da Assembleia Legislativa.
O deputado Jean de Oliveira falou ainda a respeito da situação caóticas das rodovias de Rondônia. Segundo o parlamentar, para sair de uma propriedade rural para ir no mercado, no médico, fazer uma coisa simples, os produtores gastam quase um dia. “Coisas que aconteciam há 30 anos, estão se repetindo hoje, trechos que eram feitos em poucas horas, estão sendo feitos em um dia. Em algumas regiões, quem tem carro pequeno nem consegue sair de casa, em outros, só sai quem tem carro com tração nas rodas”, explica o parlamentar.
Em aparte, o deputado Marcelo Cruz (PTB) relatou que esteve com o diretor do Departamento de Estradas de Rodagens de Rondônia (DER), para solicitar melhorias para a região de União Bandeirantes e que teve sua solicitação atendida, contudo, recebeu informações dos moradores da região que o serviço não foi concluído e que o local ficou pior do que estava. 
“O que me preocupa e falta de experiência do diretor, peço que o líder do Governador, Eyder Brasil (PSL), fale com ele, para ir in loco verificar e conhecer as problemáticas e não ficar despachando somente no gabinete”, diz.

Os deputados estaduais Marcelo Cruz (PTB) e Jair Montes (PTC) se mostraram indignados com a atitude do diretor geral do DER, que não conhece Rondônia e quando os deputados estaduais levam as demandas dos municípios ele fica “boiando” e não sabe responder nada, disseram.
Segundo Jean, o DER precisa de pessoas experientes e dispostas a enfrentar os problemas do departamento. “Não adianta colocar pessoas engomadas no DER, precisamos de pessoas com mãos calejadas e sem medo de sujar o sapato de lama. Se hoje esse Estado está no azul é por conta da agricultura, da agropecuária, do setor produtivo, então nossas estradas precisar oferecer condições adequadas”, finalizou Jean.

O deputado estadual Geraldo da Rondônia (PSL) pediu respeito do diretor geral do DER/RO, pois se sentiu desprestigiado pela atitude do coronel Erasmo Meireles e Sá, que deixou ele falando sozinho em sua sala.
“Senão está recebendo um parlamentar reeleito, imagina o povo que vai procurar ele no DER”, lamentou o deputado Geraldo da Rondônia.

EU FIQUEI FALANDO SOZINHO, DIZ DEPUTADO ESTADUAL GERALDO DA RONDÔNIA (PSC).

Postar um comentário

0 Comentários