OTORIDADE AGREDIDA: Policiais Civis são agredidos durante investigação

Guajará-Mirim, RO  - Uma mulher de 26 anos e um homem, de 27, foram presos após agredirem dois policiais na última sexta-feira (1°) no bairro Jardim das Esmeraldas, em Guajará-Mirim (RO), município distante 330 quilômetros de Porto Velho. Os policiais civis estavam investigando um furto no momento das agressões.

De acordo com o boletim de ocorrência, um homem, que teve a casa furtada, acionou a Polícia Civil após encontrar os objetos da sua residência em uma casa localizada no Jardim das Esmeraldas.

Os policiais deslocaram-se até a residência, onde supostamente estariam os objetos furtados da vítima. A proprietária da residência disse a eles que não havia nenhum objeto furtado na casa e que os policiais só poderiam entrar se tivessem um mandado.

A cunhada e irmã da mulher, que negou a entrada dos policiais na residência, acabaram revelando que os objetos da vítima estavam em um quarto no quintal.

Em dado momento, um homem de 26 começou a xingar os policiais e em seguida foi dado voz de prisão ao rapaz, que reagiu agredindo os agentes e acabou imobilizado.

A irmã do rapaz tentou impedir a prisão e agrediu um dos policiais, causando arranhões no pescoço. Como consequência a mulher, de 26 anos também recebeu voz de prisão. Em seguida a dona da casa disse que ficaria “rica” porque vai processar os policiais civis.

Os envolvidos foram conduzidos à delegacia e, em depoimento, o homem confessou ter furtado um colchão da vítima e disse ainda que furtou uma botija de gás e um ventilador de outra residência.

portalmamore

Postar um comentário

0 Comentários