FACE A JATO: Promotora usa redes sociais para pedir operação Lava Jato no Acre e em outros estados

A promotora de Justiça do Ministério Público do Acre, que respondia como promotora titular do Ministério Público Eleitoral no Acre, conhecida por externar suas opiniões pessoais sobre política nas redes sociais, voltou a tocar em um assunto polêmico nesta semana.

No último dia do ano, 31, na segunda-feira, Alessandra usou seu perfil no Facebook para afirmar que em 2019 ela aguarda a chegada da operação Lava Jato nos estados brasileiros, incluindo o Acre.

“Para 2019 esperaremos a Lava Jato nos Estados!”, escreveu a promotora.

A publicação de Alessandra recebeu dezenas de curtidas, compartilhamentos e comentários apoiando o pedido da promotora.

“Torço para que chegue em todos os estados, Poderes e Instituições dessa nação. Não apenas em alguns, pois pode transparecer que foram selecionados de propósitos. A corrupção apesar de hoje estar em destaque, não é algo noviço. #Avante Lava Jato”, escreveu um dos seguidores da promotora.

Postar um comentário

1 Comentários

  1. Bom se for aos modos da farsa a jato de Cúritiba será nada menos nada mais que perseguição Política Rodrigo Tacla Duram conhece bem os porões.Cade o Queiroz ela não informa?

    ResponderExcluir