Mulher rouba abóbora e esconde na vagina

Sonia Smith, de 31 anos, foi interceptada por guardas de segurança de um supermercado Countdown depois que a viram entrar no banheiro da loja com a abóbora e sair com ela.

Os guardas de segurança primeiro pensaram que a sra. Smith tinha comido a abóbora ou a esvaziou no vaso sanitário, mas logo notou que ela estava suando muito e parecia muito desconfortável.

James Reynolds, um dos guardas de segurança que interceptou a Sra. Smith diz que ele estava em descrença quando ele entendeu onde ela tinha colocado.

Os dois seguranças ligaram para o Departamento de Polícia de Orewa, que rapidamente procedeu a uma busca por cavidades e descobriu a abóbora.

Reynolds diz que os oficiais enviados pelo site achavam que estavam sendo pegos quando explicaram a situação pela primeira vez.

Sonia Smith agora enfrenta duas acusações de furto e conduta desordeira, mas ela pode ser julgada incapaz de ser julgada devido à sua longa história de problemas psiquiátricos.

A jovem já fez várias estadias em instituições mentais em todo o estado desde 2009.

Uma fonte próxima à sua família confirmou que sofre de esquizofrenia e “ouve vozes que a comandam a inserir vários objetos em suas cavidades corporais”.

O resultado de sua avaliação psiquiátrica deve estar disponível em duas ou três semanas e o resultado determinará se o estudo ocorrerá ou não.

Postar um comentário

0 Comentários